Fundação realiza formatura de quinta turma de Juristas Populares

03.12.2004

A Fundação de Defesa dos Direitos Humanos Margarida Maria Alves realiza nesta sexta-feira, 10 de dezembro, às 19h, no Convento de São Francisco, no Centro de João Pessoa, a solenidade de formatura da quinta turma de Juristas Populares, composta por 19 membros de associações comunitárias. Os juristas resolveram homenagear a líder camponesa Elizabeth Teixeira, dando o nome dela à turma.

Durante um ano, os técnicos da Fundação Margarida Alves ministraram aulas sobre Direito Constitucional, Civil, Trabalhista, Previdenciário, Penal, Urbano, além de explicar a organização do Judiciário e expor temas relacionados à Política Urbana. As atividades extra-aula incluíram uma visita ao Juizado Especial do Consumidor, onde os juristas puderam conhecer, na prática, o funcionamento do atendimento a causas ligadas às relações de consumo.

O Curso de Juristas Populares foi criado em 1999 com o objetivo de oferecer a membros de associações comunitárias e entidades diversas a oportunidade de conhecer com mais profundidade o Direito e, assim, poder contribuir para multiplicar este conhecimento junto aos demais moradores de um bairro ou localidade. Quando conclui o curso, um jurista popular tem condições de entender o funcionamento do Judiciário, compreende seus Direitos e está habilitado dar início a procedimentos que protejam seus interesses ou da sua comunidade.

Os juristas que integram a quinta turma formada pela Fundação Margarida Alves são: Alberto Mário Neves, Alcicleide Leite Tenório, Antônio Duarte da Silva, Cícero de Sousa Lacerda, Diego de Holanda Fernandes, Dulcinéa Barbosa da Silva, Erasmo França, Gilberto Pocaí, Isabel Cristina Santana Gomes, Josivan Cupertino de Moura, Jozemir Eduardo da Silva, Karla de Almeida Barbosa, Manoel Inácio Neto, Maria José Rufino Batista, Patrícia Araújo Rocha, Nildo Alves de Morais Júnior, Valdemir dos Santos Brito, Valdir Gomes de Oliveira e Vilmar Gomes da Silva.

Programação – Além da solenidade de formatura dos novos juristas populares, a programação da noite, quando também é comemorado o Dia Internacional dos Direitos Humanos, destaca o lançamento da homepage da Fundação, que pode ser acessada através do endereço www.fundacaomargaridaalves.org.br trazendo informações sobre a atividade da ONG, dos grupos assistidos ou parceiros e notícias ligadas à temática da Cidadania e Direitos Humanos.