Prêmio Ceci Melo 2017 homenageia gestoras e ativistas destaque em 2016

03.04.2017
Ex-vereadora e ativista Paula Frassinete recebendo o Prêmio Ceci Melo 2017

Ex-vereadora e ativista Paula Frassinete recebendo o Prêmio Ceci Melo 2017

Aconteceu na última sexta-feira (31), no Espaço Cultural José Lins do Rego, a entrega do Prêmio Ceci de Melo de Participação Social, que este ano homenageou a ex-vereadora e ativista social Paula Frassinete, além de conselheiras do ODE, gestoras, lideranças femininas de todas as regiões do Estado. O Prêmio está na sua quinta versão e anualmente homenageia mulheres que se destacam nas atuações sociais em suas respectivas comunidades

Izabella Chaves, representante da Fundação Margarida Maria Alves no evento, ressalta a importância do Prêmio. “È sempre importante valorizar o trabalho e ações feitas pelas mulheres, ainda mais em ambientes com tão pouco espaço como a gestão pública. Nós da Fundação aplaudimos esse Prêmio e suas merecedoras ganhadoras”.

A ex-vereadora e ativista Paula Frassinete expressou a satisfação por receber a premiação.

“Recebo esse prêmio com muita emoção e honra. Venho caminhando na luta pelo meio ambiente, pelo movimento negro, movimento de mulheres, enfim, tenho 74 anos e continuo buscando igualdade de direitos para todos. A homenagem foi uma deferência de uma comissão que me escolheu para ser a homenageada de 2017 e deixou meu coração muito feliz. Dedico a todos que acreditam que o mundo é bom e que nós precisamos continuar construindo um futuro melhor”, concluiu.

Este ano o Prêmio Ceci Melo inovou com a criação de uma categoria que premia a gestora que mais se destacou no ano anterior. A escolhida para receber a homenagem foi a diretora-superintendente de Obras do Plano de Desenvolvimento do Estado (Suplan), Simone Guimarães, que comentou: “As mulheres gestoras ainda enfrentam muitos desafios devido o preconceito. Mas estamos superando as dificuldades e mostrando que somos capazes de exercer qualquer função. Esse prêmio é um reconhecimento do meu trabalho, em conjunto com minha equipe, então recebo essa homenagem com muita emoção e gratidão a todos que me dão força e me ajudam diariamente”.

Ayune Bezerra é secretária do Movimento de Mulheres TransFeministas da Paraíba e também foi uma homenageada com o Prêmio Ceci Melo.

“Quero agradecer e parabenizar todas as homenageadas que lutam por um país melhor. É a primeira vez que uma trans recebe este prêmio e eu dedico essa homenagem a todas as travestis e transexuais que foram assassinadas no Brasil. Infelizmente, ainda somos um país preconceituoso e nós queremos respeito da sociedade. O Prêmio Ceci Melo é o reconhecimento da nossa luta e resistência pelo direito de viver livre do preconceito”, enfatizou.

A consulesa geral de Cuba, Laura Pujol, também recebeu a homenagem e falou sobre sua relação com a ativista Paula Frassinete. “Em primeiro lugar venho agradecer este prêmio que só faz crescer meu carinho pela Paraíba. Quero também dizer que admiro muito a amiga Paula Frassinete. Ela tem um trabalho social há muitos anos com o povo cubano e é grande merecedora desta homenagem”, frisou.

“Sou da primeira região, estou no Orçamento Democrático há muito tempo e venho trabalhando pela população, fazendo as coisas acontecerem. Unidos estamos trazendo melhorias para o povo. Fico feliz por receber o Prêmio Ceci Melo, representando meus companheiros”, comemorou a conselheira do ODE Maria do Rosário.

O evento também contou com o lançamento do Ciclo de Audiências do Orçamento Democrático Estadual (ODE) 2017. Este é o sétimo ano de plenárias do ODE que já envolveu a participação de cerca de 200 mil pessoas dos 223 municípios paraibanos.

O secretário executivo do Orçamento Democrático, Gilvanildo Pereira, destacou a relevância da participação do povo nas audiências: “O ODE é um grande instrumento de democracia que já se consolidou na Paraíba. Todos os anos as plenárias ficam cheias, o povo reivindica e mostra que valoriza esta ferramenta que teve início em 2011. Espero que em 2017 a democracia participativa se fortaleça, porque esta ação precisa e deve continuar. Lembrando que no dia 20 de abril, aqui em João Pessoa, vamos realizar a plenária de número 100 do ODE, será um dia de festa e comemoração por todos os frutos vindos do Orçamento Democrático”, adiantou.

Este ano, as plenárias do Orçamento Democrático acontecerão nas cidades de Cajazeiras, Pombal, Itaporanga, Princesa Isabel, João Pessoa, Solânea, Esperança, Sumé, Sousa, Catolé do Rocha, Patos, Assunção, Cuité, Guarabira, Mamanguape, Itabaiana e Queimadas. A primeira audiência já acontece na sexta-feira, 7 de abril, na cidade de Cajazeiras (9ª Região); seguindo no sábado (8), em Pombal (13ª); na segunda (10), em Itaporanga (7ª) e na terça-feira (11), em Princesa Isabel (11ª Região).

Confira imagens do evento

Fonte: Secom/PB