“As Áfricas que Habitam em Mim” são tema de evento em João Pessoa sobre os 130 anos da abolição da escravatura no país

07.05.2018


Acontece no próximo dia 10, às 08:30h, no auditório da Reitoria da UFPB, evento comemorativo de 130 anos de lutas por justiça sociorracial. A atividade traz como tema “As Áfricas que Habitam em Mim” e é organizado pelo Comitê Gestor do Pacto Universitário pela Promoção do Respeito à Diversidade, da Cultura da Paz e dos Direitos Humanos, através do Comitê da Diversidade.

Confira a programação completa:

Dia 10 de maio de 2018

Local: Auditório do Reitoria do UFPB

9h
Apresentação cultural: Clayton Ferrer.
Mesa de abertura.

9h30min
Abertura:
Edna Moraes da Silva – Sintesp UFPB/ Diretora de Gênero, Rasa e Etnia/Graduando em Ciências das Religiões pela UFPB.

1Oh as 12h
Mesa-Redonda 1: Abolicionismo Educação: Trajetos, Ações e Avanços.
Palestrantes:
Nadia Farias dos Santos – Pedagoga, mulher negra e ativista, Professora Substituta/UFCG/UEPB;
Terlúcia Silva – Movimento de Mulheres Negras da Paraíba/Mestra em Ciências Jurídicas;
Lucian Souza – Professor da Rede Municipal de Ensino/Doutorando em História pela UFPE;
Moderadora: Edna Moraes da Silva – Sintesp UFPB, Diretora de Gênero, Raça e Etnia/Graduanda em Ciências das Religiões pela UFPB.

14h as 16h30min
Mesa-Redonda 2: Pós-abolição, república e genocídio. 130 de resistência.
Polestrantes:
Antonio Novaes – DBM/CCEN, PPGE e NEABl/UFPB;
Ariosvalber de Souza Oliveira – Mestre em História/UFCG, integrante do NEABI/UEPB e do Movimento Negro de Campina Grande;
Solange Pereira da Rocha – CCHLA/Departamento de História e NEABI/UFPB

Moderador: Danilo Santos – Mestre em História/UFPB/Professor da Rede Municipal de Ensino e NEABI/UFPB.

16h30min
Laçamento do livro:
Por uma educação para os novos tempos.
Ariosvalber de Souza Oliveira – Mestre em História/UFCG, integrante do NEABI/UEPB e do Movimento Negro de Campino Grande.

17h: Ajeum

17h: Apresentaçõo Cultural - Escurinho.

Exposições:
Local:
Hall da reitoria
Período: 01 a 31 de maio de 2018
Temas:
1) A vida e a obra da feminista negra Lélia Gonzales;
2) Processo de ensino/aprendizagem e Biologia e a lei 10639/2003;
3) Vidas que também importam – homens e mulheres negras e suas; contribuições na educação e na ciência e tecnologia: dias 28 e 29 de maio.