Fundação Margarida Maria Alves lança livro sobre história do Curso de Formação de Juristas Populares

19.09.2018

Acontece nesta quinta-feira, 20, às 18h, no auditório da OAB/PB, localizada na Rua Rodrigues de Aquino, 37, Centro, João Pessoa, o lançamento do livro “Formação Jurídico-Popular: Sistematização da Experiência do Curso de Formação de Juristas Populares (1999-2017)”. O material é resultado de um resgate histórico e metodológico sobre o curso realizado pela Fundação de Defesa dos Direitos Humanos Margarida Maria Alves.

Criado em 1999, o Curso de Formação de Juristas Populares já formou 15 turmas e 363 Juristas Populares vindos de diversas cidades do Estado. O objetivo é discutir a respeito dos mecanismos de acesso à justiça que estão à disposição da população, contribuindo para a implementação de ações de defesa da cidadania. Seu público principal são lideranças comunitárias, integrantes de movimentos sociais, associações comunitárias e organizações da sociedade civil, sempre com o ideal de contribuir no encaminhamento de litígios jurídicos nas comunidades e movimentos sociais que atuam.

Pensando na riqueza de dados e informações acumuladas ao longo desses anos, a Fundação Margarida Maria Alves organizou o material que tinha sobre o Curso e construiu a publicação que sai com o apoio da entidade alemã Misereor.

Segundo Marcelo Soares, Assessor de Comunicação da entidade, a publicação atende a um pedido recorrente de várias pessoas. “Sempre nos pediram por um livro, vídeo, site com detalhes sobre o Curso de Juristas Populares, sua história, pessoas que passaram por ele, como ele é feito, quais ferramentas metodológicas eram usadas, mas, infelizmente, não tínhamos condições até o momento de realizar esse desejo. Só recentemente conseguimos inserir no nosso último projeto esse trabalho de pesquisa, o que nos permitiu termos em mãos hoje esse belo resgate”, explica.

Vera Rodrigues, psicóloga; Mestra em antropologia pela UFPB e responsável pela sistematização, aponta que a publicação é um registro extenso da experiência de um trabalho de quase vinte anos. “Com o livro buscamos proporcionar o conhecimento da trajetória dessa experiência, passando pelos desafios que foram sendo enfrentados na sua realização desde a primeira turma até a 15ª, concluída em 2017, as inúmeras parcerias estabelecidas ao longo do tempo e os resultados alcançados com o Curso e a atuação dos/as Juristas Populares nas comunidades e grupos que participam”.

O evento contará também com uma mesa sobre Educação Popular e o Curso de Juristas Populares com a participação das convidadas: Nazaré Zenaide, psicologia; Mestra em Serviço Social; Doutora em Educação pela Universidade Federal da Paraíba e professora do Departamento de Serviço Social da UFPB; Fernanda Franco, primeira Coordenadora do Curso de Juristas Populares; Pós-Doutoranda em Direito pelo UNIPÊ; Doutora em Direitos Humanos e Desenvolvimento pela UFPB; Mestra em Ciências Jurídicas na área de Direitos Humanos pela UFPB e Bacharel em Direito pela Faculdade de Direito da USP, e Anna Izabella Chaves, Coordenadora do Curso de Formação de Juristas Populares; advogada especialista em Direito Processual Civil e Coordenadora Jurídica da Secretária Estadual da Mulher e da Diversidade Humana.

O livro tem 104 páginas e custará R$ 25,00. Acompanhando o lançamento também está sendo disponibilizado um hotsite sobre o Curso e a publicação, os interessados podem acessá-lo pelo endereço: cursodeformacaodejuristaspopulares.webnode.com.

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones: (83) 3221-3014 (somente à tarde) / 83 998605136 ou pelo e-mail fundacao@fundacaomargaridaalves.org.br.