Notícias

Fundação Margarida Maria Alves inicia atividades de 2019

11.02.2019

A entidade retomou suas atividades este mês, depois das férias de janeiro, já planejando as ações ao longo do ano.

Estamos de Volta!

04.02.2019

Hoje retomamos nossas atividades em nossa sede, ,localizada na Rua: Irineu Joffily, 185. Centro, João Pessoa. Já estamos com nosso brechó aberto e esse mês ainda teremos mais uma oficina de nosso Curso de Formação de Juristas Populares. Mais informações: (83) 3221-3014 ou fundacao@fundacaomargaridaalves.org.br

Estamos em recesso

28.12.2018

A Fundação de Defesa dos Direitos Humanos Margarida Maria Alves está em recesso e só retomará suas atividades em fevereiro de 2018. O calendário de ações dos projetos da entidade segue mantido e qualquer dúvida pode ser encaminhada por e-mail fundacao@fundacaomargaridaalves.org.br.

MST lança nota de repudio a declarações do apresentador de TV Sikêra Junior.

11.12.2018

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) lançou nesta terça-feira, 11, nota pública de repúdio a comentários do apresentar de televisão Sikêra Junior em programa exibido nesta segunda-feira, 10, na TV Arapuan, sobre o caso de assassinato de José Bernardo da Silva e Rodrigo Celestino, integrantes do Movimento.

Curso de Formação de Juristas Populares inicia 16ª Turma discutindo Direitos Humanos e Cidadania

11.12.2018

No último dia 24 de novembro iniciou-se a 16ª Turma do Curso de Formação de Juristas Populares, promovido pela Fundação Margarida Maria Alves. O curso tem o objetivo de transmitir noções de Cidadania e Direito a lideranças populares na Paraíba ligadas a associações, organizações da sociedade civil, grupos populares e outras entidades. Participam esse ano 23 cursistas de 09 cidades representando 17 entidades.

Relatório traz panorama das violações de Direitos Humanos em 2018 no Brasil

10.12.2018

O 19º Relatório Direitos Humanos no Brasil, lançado no último dia 5 em São Paulo e organizado pela Rede Social de Justiça e Direitos Humanos, apresenta um panorama das violações ocorridas em 2018 e traz dados e análises sobre diferentes áreas de atuação relacionadas aos direitos humanos. O relatório traz artigos que analisam questões como terra, trabalho, justiça, povos indígenas, quilombolas, populações encarceradas e LGBTI, entre outros.

NOTA DE SOLIDARIEDADE E REPÚDIO

10.12.2018

A Fundação de Defesa dos Direitos Humanos Margarida Maria Alves vêm manifestar sua solidariedade às famílias de José Bernardo da Silva, conhecido como Orlando Bernardo, e Rodrigo Celestino, integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra na Paraíba (MST-PB), assassinados a tiros por homens encapuzados em 08 de dezembro de 2018 no acampamento Dom José Maria Pires, Alhandra/PB.

Confira lista de selecionados para o Curso de Juristas Populares 2018/2019

19.11.2018

A Fundação de Defesa dos Direitos Humanos Margarida Maria Alves torna pública a lista de inscrições selecionadas para o Curso de Formação de Juristas Populares, que faz parte do Projeto “Conhecendo o Direito, Construindo a Cidadania”. O curso tem como objetivo promover formação jurídico-popular para lideranças das comunidades e organizações sociais com vistas à multiplicação dos conhecimentos jurídicos nas suas entidades e o maior acesso à justiça.

João Pessoa sedia “Seminário Enfrentando Coletivamente Violências Contra as Mulheres”

08.11.2018

Nos dias 13 e 14 de novembro João Pessoa sediará o Seminário Enfrentando Coletivamente violências contra as Mulheres.

Inscrições para Curso de Formação de Juristas Populares são prorrogadas

31.10.2018

As inscrições para a 16ª Turma do Curso de Formação de Juristas Populares, promovido pela Fundação Margarida Maria Alves, foram prorrogadas até o dia 16 de novembro. O curso tem como objetivo promover formação jurídico-popular para lideranças comunitárias e organizações sociais com o intuito que multipliquem os conhecimentos apreendidos nas suas entidades e comunidades.