Manifestantes se concentram em brasília para a marcha nacional da reforma urbana

16.08.2005

Brasília – Integrantes de diversos movimentos sociais estão concentrados no estacionamento do Ginásio Mane Garrincha, em Brasília, aguardando o início da Marcha Nacional da Reforma Urbana, pelo Direito à Cidade.

Até o momento, já chegaram ao local cerca de 40 ônibus e a expectativa da organização do movimento é de que cheguem ao local pelo menos mais 90 ônibus vindo de todo o Brasil. Inicialmente marcada para as 9 horas, a marcha atrasou porque os organizadores aguardam esses manifestantes.

“Viemos para esta atividade com muito sacrifício. E temos esperanças de quer nossas reivindicações sejam atendidas”, afirma Eliane Almeida, da coordenação da Central de Movimentos Populares, que veio do Ceará.

O destino da marcha é a Esplanada dos Ministérios. A programação original prevê que os manifestantes serão recebidos às 14 horas pelo ministro das Cidades, Márcio Fortes, e às 16 horas têm reunião marcada no Ministério do Trabalho. Às 17h30, está previsto encontro de representantes do grupo com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e, às 19 horas, reunião no Ministério do Planejamento.

As reivindicações do movimento são melhores condições de vida, com aumento da oferta de moradia e acesso a saneamento, principalmente pelas classes menos favorecidas.

Por Yara Aquino, Repórter da Agência Brasil