Comunidade Unida será beneficiada por projeto apoiado pela Brazil Foundation

09.09.2009

Com o projeto “Educação para a Saúde e Meio Ambiente”, a Fundação Margarida Maria Alves foi a única entidade paraibana premiada este ano pela BrazilFoundation, entidade que capta recursos nos Estados Unidos para projetos sociais brasileiros. A ação vai contemplar a Comunidade Unida, às margens da Mata do Xemxem, em Bayeux, onde 60 famílias moram de forma absolutamente improvisada e sem acesso aos serviços básicos, em um terreno por onde passam gasoduto e linhas de alta tensão. A proposta é oferecer à comunidade informações sobre seus direitos, inclusive à moradia, e torná-la apta a participar de discussões junto ao poder público. O foco será o direito à saúde e a um meio ambiente equilibrado.

A Comunidade foi formada por famílias provenientes de assentamentos que viram naquela localidade a esperança de uma vida melhor. O maior problema que eles/as enfrentam é a falta de saneamento básico, inviabilizado por conta dos dutos de gás que passam por baixo das casas. E como não há coleta de lixo na região, a mata do Xemxem serve, atualmente, de lixão para os moradores.

Ao observar a imensa carência da comunidade, a Fundação iniciou uma intervenção no local através dos Juristas Populares, que perceberam que poderiam levar um pouco de seus conhecimentos para os moradores e, a partir daí, nasceu a ideia de uma oficina de sabão ecológico para aproveitar os restos de óleo que saiam das cozinhas improvisadas direto para o solo. A iniciativa já conta com o apoio do restaurante Tábua de Carne, que doou coletores seletivos de lixo e está oferecendo assessoria nas oficinas.

Um levantamento promovido pela Rede de Juristas dá conta de uma parte dos problemas enfrentados na comunidade. Dos 191 moradores, apenas 50 estão trabalhando, a maioria em sub empregos sem carteira assinada. Dos 89 jovens, adolescentes e crianças que moram no local, apenas 50 estão estudando. Apenas um morador chegou ao ensino superior – os demais que estudam sequer completaram o ensino fundamental. Através do projeto apoiado pela BrazilFoundation, a Fundação vai realizar oficinas sobre reciclagem, saúde e associativismo com a comunidade, que se iniciam este mês.

Ao todo foram aprovados 26 projetos em todo o Brasil em 2009, metade deles no nordeste, sendo quatro em Pernambuco e outros quatro no Ceará. Desde 2001, a entidade apóia instituições sociais brasileiras que propõem soluções criativas e diferenciadas para os desafios enfrentados em todo o Brasil nas áreas de educação, saúde, direitos humanos, cidadania e cultura.