Curso de Formação de Juristas Populares inicia 16ª Turma discutindo Direitos Humanos e Cidadania

11.12.2018

No último dia 24 de novembro iniciou-se a 16ª Turma do Curso de Formação de Juristas Populares, promovido pela Fundação Margarida Maria Alves. O curso tem o objetivo de transmitir noções de Cidadania e Direito a lideranças populares na Paraíba ligadas a associações, organizações da sociedade civil, grupos populares e outras entidades. Participam esse ano 23 cursistas de 09 cidades representando 17 entidades.

Para Marcelo Soares, Assessor de Comunicação da Fundação, essa turma se mostra bem diversa. “Ficamos muito felizes com o retorno que tivemos nas inscrições, recebemos cursistas de áreas bem distintas e, principalmente, algumas regiões e cidades do Estado que nunca tínhamos atingido anteriormente”, ele destaca. “Além de João Pessoa, Bayeux e Santa Rita, lugares que já tradicionalmente vem pessoas para fazer nosso Curso, temos cursistas de Areia, Conde, São Miguel de Taipu e São Francisco no sertão paraibano, por exemplo. Essa é uma grande oportunidade de conhecermos novas realidades e podermos contribuir com outros cenários e grupos distantes de nosso cotidiano”.

O primeiro encontro aconteceu na sede da Fundação e contou com a participação de toda a equipe da entidade. Os cursistas receberam informações acerca do Curso, datas dos encontros, dados financeiros e como seria a dinâmica de atividades. Segundo Vera Rodrigues, responsável pelas oficinas, “foi com muita alegria que recebemos no último dia 24 de novembro os/as  novos/as  participantes do Curso de Formação de Juristas Populares. O encontro inicial contou com a participação de 16 das 23 pessoas inscritas, sendo que algumas justificaram a ausência”.

Ele segue destacando o perfil da turma. “O perfil da turma está bastante diversificado, sendo 17 mulheres e 06 homens, com idades em 18 e 46 anos, sendo que maioria encontra-se na faixa entre 26 e 35 anos. Eles/as trazem experiências bastante variadas, não apenas com relação à realidade de seus municípios, mas também com relação as temáticas trabalhadas nos seus grupos de origem. Dentre estas estão criança e adolescente, movimento estudantil, sindicatos, movimento de mulheres, assentados rurais, direitos humanos, questões indígenas, além da participação de representação LGBT”, aponta.

O próximo encontro acontecerá dia 15 de dezembro, das 08h às 17h, na sede da Fundação, localizada na Rua Irineu Joffily, 185, Centro, João Pessoa, com a oficina Direitos Humanos e Cidadania.  Os cursistas poderão conhecer de forma mais detalhada a Declaração Universal dos Direitos Humanos e os desafios dos temas na conjuntural brasileira e local.

Mais informações sobre o Curso de Formação de Juristas Populares e outras atividades de nossa entidade entre em contato pelo telefone 3221.3014 ou e-mail fundacao@fundacaomargaridaalves.org.br.